terça-feira, 3 de março de 2009

CADA UM SEGUE O QUE ACHA CERTO...

Primeiramente não gostaria de discutir isso por aqui, mas me deu vontade, pelo simples fato de ter observado cenas que, muitas vezes, me fazem refletir o que eu sou e o que a humanidade é...

Estava indo embora para casa depois de um belo passeio (com minha namorada) e após entrar no ônibus na rodoviária Tietê (isso mesmo, eu não tenho carro), sentei-me como de costume ao lado da janela para observar (adoro fazer isso, observar), e a cada parada no farol, olhava o local e refletia ao ver os moradores de rua.

Teve uma parada perto da 25 de março, era mais ou menos 21:00 hs da noite e quando o ônibus parou (trânsito horrível), observei uma mulher com duas crianças, deitada ao céu aberto, enquanto seu "marido" (eu acho), recolhia alguns papelões para colocar em seu carrinho (aqueles carros de madeira com 2 rodas para puxar). As crianças dormiam essa hora, talvez para enganar a fome, enquanto o homem pegava os papelões e os colocava no carrinho, fixei meus olhos na mãe das crianças...

Ela estava deitada, olhando para o céu firmemente, com as mão atrás da cabeça e eu tentava imaginar o que ela pensava naquele momento. Talvez perguntava-se porque tinha uma vida assim, por que as coisas não melhoravam, o que seria da sua vida e dos seus filhos ou até mesmo pensava como arranjar dinheiro para dar o que comer no dia seguinte as crianças.

Pensei...

Todo mundo passa ao lado dessa mulher, vê o que eu vejo e ninguém faz nada, ninguém lhe dá atenção, ninguém estende uma mão... como se fosse um cachorro de rua... como se fosse ninguém! Passou por ela um senhor, com a bíblia debaixo do braço, tomou até um susto ao ver a moça alí deitada com as crianças, mas apenas olhou, desviou-se e continuou a andar...

O busão seguiu seu trajeto e aquela imagem foi se afastando de mim aos poucos...

Um homem com uma bíblia debaixo do braço! ... Mais um seguidor fictício da palavra de Deus! Vejo muita gente dizer que é religioso coisa e tal, freqüentador e seguidor da palavra, mas no fundo não exerce e usa a religião como fachada para dizer que é alguém de bem e de boa fé...

A religião do mundo é o dinheiro! Todo mundo precisa, quer queira ou não, precisa! Ninguém vive sem... e sem ele não vive!

Uma pessoa que não tem nada, assim como essa mulher, com marido e filhos, dormindo ao relento, não é ninguém diante da sociedade. Sem respeito, sem identidade, sem moral, sem dignidade, mas... é um ser humano igual a todo mundo e porque tratamos ela assim?

Simples! Porque não tem dinheiro! Porque não está vestida descentemente, porque está suja e outros diversos fatores. Agora eu pergunto:

"Você que é religioso, que acredita na palavra de Deus, vai a igreja e reza seus Pai-Nossos e Ave-Marias, ajudaria alguém em condições assim?"

Eu ajudo com o pouco que tenho e quando a situação me é favorável. Sei que no meio dessas pessoas existem maus elementos, perigosos, esperando uma oportunidade para roubar ou fazer alguma crueldade. Mas quando vejo que alguém me pede um dinheiro para comprar algo para comer, eu ajudo quando tenho um troquinho. Quem reparte o que tem nunca fica sem!

Deus vê tudo! Eu sei que ele está em qualquer lugar por onde eu ando, ele vê o que eu faço e espero que eu esteja no caminho certo. Não tenho religião, apesar de ter nascido em uma família católica, mas não tenho. Religião as vezes manipula as pessoas, fecham a cabeça delas para as coisas novas e diferentes da vida, não digo que são todas, pois existem lugares bons que dão auxílio aos necessitados e fazem prestações de serviço a comunidade e etc. Ao meu ponto de vista, vejo a igreja como um lugar para terapia, onde pessoas vão ao encontro de uma energia boa e se abrem para se sentirem bem! Mas o que adianta se ao por os pés fora dela, se fecham novamente?

Eu gosto dessa liberdade de não ter ligação nenhuma com religião. Sou verdadeiro comigo mesmo e apenas procuro ser um bom cidadão e ajudar quem precisa, isso quando eu posso ajudar de alguma maneira...

O importante é praticar a bondade e deixar que Deus faça o seu trabalho silenciosamente. Ele é a única coisa que preciso acreditar, o resto deixo para os outros, "aqueles" que se dizem religiosos o bastante para viverem "observando", porque ler é uma coisa e entender é outra, as páginas da bíblia em vez de observar ao lado e ajudar ao seu semelhante!

Acho que vou parar de observar pela janela do ônibus...
Escrito e desabafado por FRAN... "O Samurai"

PS.: Quem quiser, visitem o Blog de meu amigo Beto (Cavanha), pois ele está começando a vida de blogueiro! Hehehe! É mais um marinheiro aprendendo a navegar... Este é seu espaço: http://betocavanha.blogspot.com/

Obrigado!

17 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

Boa noite Fran!

Acredite se vc quizer,qdo saio vejo as mesmas coisas e penso assim tb(chego até a me revoltar)uns tem demais outros nada.
Injustiça Social!!!Agora pergunto até qdo???

Belissíma postage amigo.

Vc tem um coração de ouro.

beijooo.

Déia Arakaki disse...

Bom Dia Amor!!
Infelizmente a sociedade é hipocrita e manipulada pelo dinheiro.
Claro que á muita gente de bom coração por ai
E tem mesmo viu !!
A gente percebe isso quando há campanhas de solidariedade e as pessoas ajudam ..
Mais ai vem outra questao , porque so se fazem camapnhas quando se acontecem desgraças?
Porque isso não se torna um fato rotineiro na qual quem pode ajuda um irmão necessitado?
São questoes que poderiam ter solução se todos se juntassem .
Mais infelizmente "ainda" não é assim!
Quanto a religião?
Minha Religia é Deus!!
É ele que me sustenta, é ele que me guia em todos os momentos da minha existência.
Tenho em meu coração a Doutrina espírita , que admiro por sua logica e sabedoria .
Mais minha definição religiosa é somente : DEUS !!!
Quanto ao dinheiro ?
Penso que é sim um mau necessario á todos.
Se voce nao anda na moda , nao tem um carro, não tem dinheiro para gastar em baladas e coisas superficiais , com certeza voce sera deixado de lado (eu sei bem o que é isso).
Mais por outro lado, não me importo com nada disso.
Não me importo com essa correria desmedida por poder , por dinheiro.
apenas trabalho , luto e sonho com o dia que terei uma vida mais suave.
Mais não a custa de ninguem e nem de meios escusos, mais sim com o suor abençoado do meu trabalho digno e honesto!!

Bem já falei demais kkkk

Otima postagem como sempre!!

TE AMO !!!

paula barros disse...

Penso que você não tem que deixar de olhar pela janela. São as janelas e as portas que nos mostrama a vida, nos abre caminho, e nos fazem mergulhar em nós e voar.

Pela janela você vê a realidade, e com sua sabedoria espititual, mental e da vida, você tira lições e nos mostra a realidade e quem somos.

Muito pelo contrário, se essa experiência lhe fez refletir, escrever, refletir....pense qual a sua missão.

Você está divulgando ensimentos cristãos, você está propagando a palavra de Deus, você está nos alertando do nosso papel no mundo.

Siga com a sua sensibilidade, o seu olhar, olhando pelas diversas janelas.

abraços

Pelos caminhos da vida. disse...

Tem selinho la pra vc.

beijooo.

Gisele disse...

Oi Ney!!!!
Puxa me comoveu muito esse seu post viu... Assim como vc já vi muitas vezes cenas assim e me revoltei...
Infelizmente com alguém disse alguma vez, a religião é o ópio da sociedade. Religião mata. O que as pessoas precisam assim como vc disse é de Deus e não de uma religião. Se as pessoas tivessem Deus de verdade no coração talvez vc poderia olhar pela janela e não ver mais essas cenas tão tristes...
Bjo!!!!!

Fernanda Sodré disse...

Oi. Permita-me um comentário SINCERO.

Merda, eu li seu posto acho que na tpm. chorei. Isso tudo me revolta.
e pra piorar acabo de me decepcionar com minha religiao depois de 15 anos.
CONCORDO plenamente com tudo que você escreveu.
É por isso que eu amo ser blogueira.
Passo a acompanhar seu blog.
Prazer,
Fernanda.

tossan disse...

Nem governos, nem a igreja, nem as entidades, ongs, muito menos os políticos, nem eu e nem você. Ninguém faz nada! E vamos continur a olhar pelas janelas. Abraço

Melsavinon disse...

Menino!!!!Socorro!!!!Ter stress assim está me envelhecendo e branqueando meus fios ruivos!!!
Mas fazer o que né...

Yuuko-sama disse...

nossa eu sei como eh isso
me doi o coraçaõ sempre q vejo alguem assim, as pessoas nao fazem nada
nigneum d aoportunidade pra essas pessoas
e kerem q elas se virem e tals
nao e bem assim,
espero passar mt tempo com a a alice mesmo viu.

Déia Arakaki disse...

Oi amor..
Obrigada por seu comentario lá no blog viu!!
Ta vendo so!! Sua namorada não posta so coisas toscas lá kkkkkk.
Te amo Viu!!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Adorei!

neli araujo disse...

Oi, Fran!

Estava com saudades de vir aqui, mas não estava passando bem e me recolhi por uns dias.

Esta nossa realidade que você retratou é muito triste, amigo!

Fiquei me perguntando o que se passava na cabeça daquela mãe ao olhar para o céu...

Eu penso que se todos nós fizermos um pouquinho (a história da "gota no oceano"), podemos ter um mundo melhor.

Eu não consigo ajudar todo mundo, mas procuro ajudar quem está à minha volta, ou quem cruza meu caminho.

E acho que depende, sim, de nós, para termos um mundo melhor!

beijocas,

Neli

Avassaladora disse...

Será que o meu Samurai foi pro Japão? rsrsrsrs
Saudades!
Depois que se apaixonou por nossa amiga...rsrsrs
Sumiu!
Aliás, um lindo amor!!!


Beijos e carinhos!

Dai disse...

Olá..
Muito triste tudo que vemos diariamente e infelizmente nao podemos mudar tudo de repente, para que todos sejam felizes e tenham uma vida digna.
Muito bom o seu post..Essas situações me comovem muito e me deixam triste por nao poder ajudar a todos os que precisam.
Mas tenho esperanças de que nosso mundo ainda pode ser melhor e as pessoas mais sensíveis.

Obrigada por ter respondido aos meus preconceitos..Gostei muito e apesar de parecer o contrário, voce concorda ou tem muitos deles.
Esqueci de falar exatamente o que voce disse:os que são homens de verdade já tem dona..

Muito obrigada pela sua visita..Cada uma delas me alegra muito.

Beijinhos..Parabéns pelo post.

ICH LÍEBE DÍCH-1 disse...

Fran...
Você é uma pessoa linda...
Poucos, tirariam dessa visão uma história de reflexão tão verdadeira....
Você é iluminado....trás o bem e o amor transbordante em seu coração...e isso é Deus!!!

Eu acredito....

Não nas imagens...que estão nas igrejas, nos livros....na mente das pessoas...
Aquele homem lindo, de olhos azuis.....e rosto de anjo...
Deus....é isso que você tão lindamente sentiu....AMOR!!!

Beijos nesse coração lindo....
Dina

Multiolhares disse...

Penso que as religiões são importantes para
algumas pessoas, pois precisão que os ajudem a encontrar um caminho.
Eu acredito que existem forças positivas sublimadas, se se chama Deus,
pouco me importa, acredito que existe uma sabedoria de todos os tempos e que os homens vão adulterando como melhor lhes convêm, assim
para mim o importante é cada um de nós fazer o mais correcto com os outros e isso passa pelo amor e pelo perdão
Bj

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO FRAN, FIQUEI AQUI A PENSAR NO QUE LI... E O TU CONTAS DÍ DO BRASIL PASSA-SE O MESMO AQUI EM LISBOA... AMIGO MUITOS ABRAÇOS DE CARINHO,
FERNANDINHA